jc
Terceirizadas

Terceirizadas trabalham sem receber na Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre

Mais um escândalo do governo municipal

16/11/2020 18h19
Por: Fernando Gadret
Fonte: Marta Resing
52

Terceirizadas trabalham sem receber na Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre

 

"Mais um escândalo do governo municipal que não repassou os recursos para a empresa contratada, que não cumpriu suas obrigações, e quem está pagando a conta são as funcionárias terceirizadas que estão trabalhando sem receber seus salários, e hoje já é o 13º dia do mês.  Primeiro foi na Educação, depois na Fasc, e agora é na Saúde". A declaração é da deputada Sofia Cavedon (PT) que recebeu mais essa denúncia nesta sexta-feira.

 

A deputada imediatamente contatou a Secretaria de Saúde onde foi informado pela chefia de gabinete que efetivamente não houve o pagamento das faturas, pois a empresa MG Terceirização de Serviços Ltda não havia apresentado a documentação apta.

 

Sofia também entrou com representação no Ministério Público do Trabalho salientando que são aproximadamente 400 (quatrocentos) trabalhadores e trabalhadoras que estão sem receber, mas com determinação de comparecimento ao trabalho sob pena de demissão, "conforme whatsapp audio que circulou entre as trabalhadoras e tivemos acesso", destaca.

 

Conforme a parlamentar a empresa MG deveria ter lastro próprio para fazer frente a sua folha salarial. "Solicitei ao MPT a averiguação das ilegalidades e irregularidades apontadas, cujos efeitos práticos recaem sobre os trabalhadores e trabalhadoras da limpeza e conservação das unidades de saúde do município, e que cessem e possam trabalhar e receber na forma do contrato e da lei".

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.